Descubra como identificar se o seu cão é hiperativo

10 de Junho de 2017
Seu cachorro tem comportamento agitado, destroi os objetos em casa, late muito tempo sem parar ou emite uivos ensurdecedores? Todas essas características podem representar um problema sério: hiperatividade.
Se o convívio com o seu pet e difícil, é preciso ter muita paciência para chegar ao diagnóstico correto e tomar as medidas necessárias para que a vida do seu amigo seja feliz e, principalmente, para que vocês consigam desenvolver um relacionamento de amor e cumplicidade.

O diagnóstico deve ser feito por um médico veterinário, que terá condições de analisar o caso e identificar a hiperatividade. A partir disso, deve ser realizado o tratamento, que varia de situação para situação. Na maioria dos casos, deve haver administração de medicamentos e uma rotina de hábitos e exercícios para chegar aos resultados desejados.
Cachorros hiperativos devem ter acesso a brinquedos específicos para pets, viver em um ambiente livre de riscos (objetos pontiagudos, fácil acesso à rua, dentre outros) e, principalmente, realizar atividades que consumam bastante energia.

Brincadeiras, desafios e passeios diários são otimos para contribuir com o sucesso do tratamento. Acima de tudo, é preciso ter paciência e persistência uma vez que o tratamento contra a hiperatividade pode ser longo e cansativo. Busque as melhores alternativas, ajuste sua rotina e agenda e não desista do seu cãozinho. No final, vocês dois serão recompensados!